Nenhum lugar...

-Gente!Que lugar é esse com tanta coisa...que de tão diferente parece tudo cada vez mais igual...nunca comum eu sei...é esse o maior diferencial.Passei pelas bandas do Varal.lá continua tudo magistral, variado, ousado, inteligente e tal. Depois andei pelos lado do expresso, mas esse andou tão depressa que nem deu tempo de desembarcar.
No Grifo não consigo entrar...algo que não me deixa pousar perfeito como o voar.
Universo alo-...segui com olhares de perto na sociedade que nem tão anônima é...
abandonada pois sim, povoada assim. Mas anonima jamais... então tá!Resolvi parar por aqui...um lugar divertido e insano....onde normais se enganam. Lembrei-me do humor desa linha...e o que é o pé da sandália da Myra...um gafanhoto sensacional com sua desconstrução natural...Passei ligeirinho e sem pensar as pedras pulei
ou seria superei, de algumas me fiz...outras guardei.Sem perceber no teu olho o vi...
Senti o perfume das flores que me trouxeram até aqui...o que ouvi no caminho
o silêncio no sabor no golé do vinho...Pensei em brincar....sem nada muito a sério levar.Peculiar jeito de compartilhar.

2 comentários:

myra disse...

aaaaaaaaaadorei ! voce tem um geito todo especial de escrever e um humor fabuloso!!! obrigada pelo comentario!
beijos

Selena Sartorelo disse...

Olá Myra.

Ai que delícia voltar onde escrevi e encontrar um recado tão honrado e querido. Obrigada...obrigada. Beijos